Olá.

Seja bem vindo ao nosso blog. Nós somos 4 viciados em CrossFit que resolveram se juntar pra contar pra você tudo que a gente sabe e curte! Esperamos que você goste!

O que faz um box de CrossFit ser um BOM box de CrossFit?

O que faz um box de CrossFit ser um BOM box de CrossFit?

O que faz um box de CrossFit ser um BOM box de CrossFit? Essa é uma pergunta com diferentes respostas. Com o crescimento acelerado do esporte no Brasil, saber escolher um bom lugar para a prática é essencial! Somos hoje o segundo país com a maior quantidade de box do mundo! Mas quantidade não é sinônimo de qualidade! Então, escrevemos esse artigo com a nossa visão de 8 itens que se precisa para ser considerado um bom box:

1. Bons coaches: de nada adianta um lugar lindo se você não tem bons coaches olhando seu movimento, cuidando da sua técnica, prestando atenção ao que você está fazendo. Crossfit envolve movimentos complexos de ginástica e levantamento de peso. Se jogam você para fazer esses movimentos e não te acompanham, não corrigem, a chance de você se lesionar vai ser muito alta! E aí  vem a história....CrossFit machuca....será?


2. Boa programação: CrossFit deve ser constantemente variado, mas isso não quer dizer aleatório. O crossfitter tem q estar preparado para o desconhecido, mas quem programa os WODs tem que fazê-lo com antecedência e acompanhar o desenvolvimento dos seus alunos. Eles precisam ganhar força? Será que bolando uma programação no dia anterior isso vai acontecer? Ou será que você tem que preparar com semanas ou meses de antecedência onde você quer que seus alunos cheguem?


3. Programação 2: alguns acham que só treinaram se fizerem WODs de 30' onde eles terminam caídos no chão. Mas uma boa programação deve variar em tempo, incluindo WODs curtos, médios e longos! Além de trabalhar diferentes grupos musculares e habilidades! Quanto tempo você não faz aquele levantamento? Ou aquele movimento ginástico? Esse tipo de cuidado é importante para evitar lesões e overtraining. Como diz o coach Glassman, criador do CrossFit: "se impressione pela intensidade e não pelo volume"! Aí temos a importante figura do Headcoach que dá a cara que o box vai ter!


4. Estrutura da aula: como a aula é dividida? Há um bom tempo para aquecimento? Mobilidade? Há tempo dedicado para ensinar a técnica? Já fui em box que o skill era um pre wod, e depois tinha o wod e ainda um pós wod. Os movimentos eram passados rapidamente e os alunos tinham que se virar durante o treino. Incluindo alunos que começaram havia pouco tempo....


5. Estrutura do box: há boas barras, anilhas, kettlebells, bola e afins? Está tudo bem cuidado? Manutenção é extremamente importante! Além disso, está tudo arrumado direitinho de forma que todos os alunos possam se movimentar em segurança pelo box e pegar seus equipamentos com segurança? Acidentes acontecem, mas devemos sempre minimizar a possibilidade que ocorram.


6. Cuidado com as lesões: os coaches perguntam se você tem alguma dor? Por que pode parecer surpresa para alguns...mas se você estiver fazendo um movimento e estiver com dor, não é para você fazê-lo! Claro que eu não me refiro aquela dor muscular. Mas sim a algo potencialmente mais grave, como na articulação do joelho ou ombro. Os coaches devem ser capazes de modificar o treino para algo que permita que você faça, mas que não treine com dor! Afinal, lesões podem ocorrer! Seja por inexperiência do coach, por má programação (mesmo grupo muscular todos os dias, mesmo tipo de estímulo, wods longos todos os dias), ou pelo ego do aluno que não respeita o próprio corpo. Saber lidar com elas deve fazer parte do dia a dia do box.


7. Seu progresso: se você treina direito, come direito e se recupera direito, você tem que ver diferença na sua evolução no esporte. Não me refiro a você estar há três meses treinando e ainda não fazer um muscle up! O tempo que demora para dominar alguns movimentos varia muito de pessoa pra pessoa. Mas com o passar do tempo você tem que se sentir mais condicionado e mais forte.


8. Clima do lugar: você se sentir bem na sua box? Você gosta de ir para lá e estar lá sempre? Curte as pessoas, o ambiente, os coaches? Por que você só vai se dedicar mesmo se você tiver vontade de ir....e isso é muito muito importante! Nesse sentido, se as boxes fazem eventos que ajudem a integração dos alunos, isso pode ser levado muito em conta. Seja na forma de competições internas, passeios externos, ou até mesmo como levam o open, a competição online da CrossFit!

A lesão que tirou vários atletas dos Regionais/CrossFit Games

A lesão que tirou vários atletas dos Regionais/CrossFit Games

Ele é tri-campeão do TCB: conheça Francisco Javier

Ele é tri-campeão do TCB: conheça Francisco Javier