Olá.

Seja bem vindo ao nosso blog. Nós somos 4 viciados em CrossFit que resolveram se juntar pra contar pra você tudo que a gente sabe e curte! Esperamos que você goste!

Ela vai pela segunda vez aos regionais da CrossFit: Conheça Luiza Dias

Ela vai pela segunda vez aos regionais da CrossFit: Conheça Luiza Dias

Ano passado ela teve que esperar. E foi uma espera que ela não quis mais ter esse ano. Isso por que, ano passado, Luiza Dias havia terminado o open na 13a colocação e teve que aguardar a decisão das atletas individuais que iriam para times para ela ter a certeza que estaria nos regionais.  Esse ano ela ficou na 5a colocação no open na América latina e garantiu seu passaporte para as regionais em San Antonio, Texas, de primeira.  Com isso ela volta à segunda etapa e vai buscar uma vaga nos CrossFit Games! Com apenas 3 anos de treino, ter participado de dois regionais não é pouca coisa. Principalmente vindo de uma pessoa que odiou o CrossFit no primeiro mês e encontrou na Elo Crossfit (@elocrossfit) o que precisava. Confira a entrevista que Luiza Dias deu para o HugoCross e lembre-se de torcer para ela de 19 a 21 de Maio!!!!

HC: Ficha Técnica

Nome: Luiza Dias

Box: Elo crossfit

Tempo que treina: faço 3 anos no meio de abril

Benchmark favorito: Não sou muito fã de Benchmark mas o Amanda, tem seu lugar. 

Ponto forte no CrossFit: ginastico

Ponto Fraco no CrossFit: Remo, bike, wall ball.

HC: Primeiro de tudo, parabéns ṕela classificação para os Regionais! E que evolução do ano passado para esse! Saiu da 13aposição no open ano passado e foi direto para a 5a! A que você atribiu essa evolução esse ano? O que mudou no seu treinamento?

Nosso esporte tem crescido bastante e se vc não se dedica após uma experiência ñ tão boa, significa que nada adiantou você passar por ela. 

Depois da Regional, meu coach mudou meus treinos e passamos a treinar com mais frequência minhas dificuldades. 

Ano passado foi um sofrimento o leaderboard, ñ sabia se as pessoas iriam de time ou individual então coloquei na minha cabeça que esse ano, eu ñ ia ter que esperar alguma desistência para eu ser chamada, já me classificaria se fosse da vontade de Deus e pronto. E foi o que aconteceu.


HC: Li no seu perfil que você praticou Ginástica e Capoeira. Acha que esses esportes te ajudaram agora no CrossFit?

Ginastica e capoeira contém muitos exercícios de explosão e o crossfit é um pouco a junção dessas duas modalidades, então, com certeza me ajudou.

HC: Por falar nisso, como descobriu o CrossFit? 

Quando encerrei minha carreira como ginastica, procurei algo que fosse parecido mas até então, eu não tinha dimensão do que era o crossfit e nem sabia que existia coisa do tipo. 

Me matriculei em uma academia de musculação, malhei por um ano e foi aí, que um professor me apresentou o crossfit. Desde então, estou praticando.  

HC: Como que foi o primeiro contato?

Pessimo, só continuei no 1º mês pq ja tinha pago. Hahaha

HC: Como é a sua rotina de treino hoje? Passamos de um período de Open para os regionais! Isso muda a sua rotina?

Sim! Meus treinos serão mais focados para a regional .

HC: Ano passado você participou do seu primeiro regional e terminou na 41a colocação. Deve ter sido um aprendizado e tanto! Como a Luiza Dias vai enfrentar os Regionais esse ano? Acha que a experiência adquirida ano passado fará muita diferença?

Com certeza, estou com outra cabeça e mais focada!

HC: Temos hoje no Brasil 4 mulheres classificadas para os Regionais (mantendo o leaderboard congelado) e apenas 1 homem. Como que você vê essa evolução do CrossFit com o público feminino no Brasil? 

Acho que o crossfit se tornou um amor coletivo no qual as pessoas sempre estão querendo melhor, os coach estudando cada vez mais e buscando o tão sonhado Games. 

A partir daí vem a determinação, persistência.. por isso estamos melhorando! 

Nosso espelho, são as atletas de Games, que treinam a quase 11 anos, quase também, o tempo que o crossfit apareceu no Brasil. 

Devagar, a gente chega lá.

NOTA do HC: A entrevista foi realizada antes dops convites finais terem sido enviados. oje sabemos que são 7 mulheres e 5 homens no individual, além de 2 times classificados.

HC: O que podemos esperar da Luiza Dias daqui para frente em relação ao CrossFit?

Eu sempre estou buscando me surpreender e evoluir. Me classificar em 5º foi uma surpresa até pq 5 é meu número preferido. 

Então, acho que estamos no caminho certo, como eu disse, devagar a gente chega lá e eu pretendo como sempre, dar o meu melhor! Com Deus, a gente chega lá,já já.

Eu preciso comprar uma corda(jump rope) pra CrossFit?

Eu preciso comprar uma corda(jump rope) pra CrossFit?

Times brasileiros classificados nas etapas Regionais do CrossFit

Times brasileiros classificados nas etapas Regionais do CrossFit