Prova 8 - Madison Triplet

Prova 8 - Madison Triplet

O final de semana começou com uma prova de 500m de natação no lago, 1000 m de paddle board, de volta aos Games depois de 2 anos, e 2000m de corrida até a chegada. Ano passado, os atletas enfrentaram o run swim run e quem ganhou voi Tia-CLair Toomey para as mulheres e Brent Fikowski para os homens.  O que mudou com o paddle board esse ano?

Mulheres

No caso das mulheres nada. Tia-Clair Toomey também venceu esse anocom um tempo que deixaria para trás todos os homens. Ela e a segunda colocada nessa prova, Kristi Eramo. Pensando bem, não  mudou muito mesmo do ano passado. Tia foi a terceira a sair da piscina mas assumiu a liderança no paddle board, seguida de perto por Eramo. Assim como no ano passado as duas correram lado a lado boa parte da prova até que Tia  se distanciou e ganhou a prova. Amanda Barnhart voltou a impressionar e chegou a liderar a prova inicialmente. Mas finalizou na terceira posição. 

Assim, Toomey despontou na liderança, ajudada pelo fato também que as mais próximas dela não foram bem. Laura Horvath ficou na 21a colocação, ainda assim mantendo o seu segundo lugar. Annie Thorisdottir terminou na 19a colocaçãoe Katrin Davidsdottir finalizou na 13a posição. Quem conquistou valiosos pontos foi Kara Saunders na sexta. Sara Sigmundsdottir que está num vai e vem de boas e más colocações ficou na 11a. 

 

Homens

Você vê essa prova no papel e pensa automaticamente em Brent Fikowski, que vinha dominando esse tipo de prova até então. Isso por que não tinha ainda Dean Linder-Leighton, um novato da Austrália que chegou na frente por quase 20 segundos. Ainda assim perdeu por um minuto da Tia-Clair Toomey. Brent contudo conseguiu o segundo lugar nessa prova numa ultrapassagem no finalzinho em cima de James Newburry. Mat Fraser, o campeão, chdgou em quarto e aumentou a sua liderança sobre os demais.

Lukas Hogberg, o homem mais próximo de Fraser na disputa não foi bem na prova e ficou com a 23a colocação geral. Ele perdeu a segunda colocação para Brent nessa prova. Em eventos com  natação e corrida você sempre espera que Vellner vá mal. E não foi diferente esse ano, mas a 21a posição na prova é melhor do que vinha acontecendo até então.

Pablo Chalfun

Faltando um pouco menos de 6 minutos para o Time Cap, o brasileiro Pablo Chalfun finalizou-a na 36a colocação geral.

 

Prova 9 - CHAOS

Prova 9 - CHAOS

Prova 7 - Fibonacci

Prova 7 - Fibonacci