Você faz CrossFit? E não faz mais cardio?

Você faz CrossFit? E não faz mais cardio?

A sabedoria convencional sustenta que treinamento monostructural prolongados (correr, andar de bicicleta, nadar, remada, etc.), comumente referido como “cardio”, conferem uma vantagem distinta e poderosa ao condicionamento atlético.  Então a CrossFit Inc. resolveu testar a hipotese que o “cardio” tradicional não pode ser nem tão distinto nem tão poderoso, como uma contribuição ao condicionamento geral, como se acreditava amplamente. O que de fato descobriram é que a programação tipo CrossFit fornece um estímulo mais eficaz para melhorar a resistência cardiorrespiratória do que corrida, remo, ciclismo ou outros protocolos monostructurais tradicionais.

O texto “What About Cardio?” É uma elaboração da abordagem CrossFit para o desenvolvimento da resistência cardiorrespiratória de elite.

Para muitas pessoas, “cardio” é algo que acontece apenas com o coração e os pulmões enquanto você está sentado em uma bicicleta ou correndo. Para essas pessoas, pensamos que ver a freqüência cardíaca de um atleta durante os treinos CrossFit e durante os protocolos mais tradicionais poderia abrir a porta para a possibilidade de treinos com elementos tradicionalmente vistos como exercícios de resistência ou de treinamento de força para elicitar um potente treino de estímulo cardiorrespiratório. Por isso, colocamos um monitor de freqüência cardíaca (Polar S720i) para vários atletas e os colocamos em funcionamento.

Para ler o artigo completo em inglês acesse aqui: http://library.crossfit.com/free/pdf/22_04_What_About_Cardio.pdf

CrossFit Inc obtém o registro definitivo da marca no Brasil

CrossFit Inc obtém o registro definitivo da marca no Brasil

Patrick Vellner, Tia-Clair Toomey e ROMWOD/WIT conquistam vaga para os CrossFit Games 2019

Patrick Vellner, Tia-Clair Toomey e ROMWOD/WIT conquistam vaga para os CrossFit Games 2019