Classificados para os CrossFit Games pelo Reykjavik CrossFit Championship

Classificados para os CrossFit Games pelo Reykjavik CrossFit Championship

Foi um final de semana agitado na capital Islandesa onde o evento sancionado Reykjavik CrossFit Championship ocorreu. E trouxe surpresas nas classificação para os Games, apesar de nomes conhecidos terem vencido o evento. E trouxe ainda Samantha Briggs fazendo história. De novo? Sim, de novo.

Samantha Briggs venceu a competição por times. Sim, por times. Ela competiu pelo time da JST e, com a vitória, deu a cobiçada vaga por times para a equipe inglesa. Como campeã Inglesa, top 20 do Open, vencedora de um evento sancionado na categoria individual e campeã por times de outro evento sancionado, ela faz história sendo a única atleta de qualquer sexo a conseguir essa façanha. E olha que foi uma vitória segura contra times como Invictus Boston, Superhero Project e Mayheem Independence. Mas se ela vai no individual o time não será desclassificado? Não, quando o time é convidado, ele tem que enviar uma lista de 6 nomes de onde 2 homens e 2 mulheres irão se juntar para formar o time. 4 desses nomes tem que ser da equipe que ganhou o evento. Logo, Sam Briggs poderá ser substituída por outra atleta. Mas se qualquer uma das duas se lesionar e o time não tiver 4 nomes, ele estará eliminado da competição.

No caso dos homens, Bjorgvin Karl Gudmondson venceu a competição global. O islandês já havia garantido a sua vaga como campeão nacional e portanto a vaga foi para o segundo colocado Hinrik Ingi Óskarsson que disputará seus primeiros Games na categoria individual, já tendo disputado em 2015 pela CrossFit Reykjavik em times. Óskarsson se torna o primeiro a atleta a se classificar para os CrossFit Games depois de uma suspensão de dois anos por doping.

Do lado feminino, a disputa inicial havia sido entre Thuridur Helgadottir e a ex campeã teen dos Games já dando trabalho na categoria principal, Haley Adams. Mas no final das contas foi a norueguesa Jacqueline Dahlstrom que levou a melhor e conseguiu a vitória da competição. Como, além delas, a terceira colocada Anna Fragkou (Thuri caiu  para a 4a colocação geral), também está classificada para os CrossFit Games, a vaga desse evento sancionado foi para a 5a colocada, Hanna Karlsson. Ela que nem fez o open esse ano, e nunca nem havia participado de um regional, vai competir no seu primeiro Games junto com seu namorado, Simon Mantyla, que se classificou pelo Open.

Mais 3 brasileiros estão classificados pata os CrossFit Games

Mais 3 brasileiros estão classificados pata os CrossFit Games

Carne de panela com abobrinha refogada

Carne de panela com abobrinha refogada