O Open está chegando: como assistir o 20.1

O Open está chegando: como assistir o 20.1

Falta um pouco menos de duas semanas para o Open 2020. Para quem ainda não sabe do que se trata (quem sabe pode ir para o segundo parágrafo), trata-se de uma competição online promovida pela CrossFit que dura 5 semanas. A cada semana, sempre às quintas-feiras, um workout é apresentado. Você teria até segunda-feira para realizar o workout e postar seu rsultado no site da CF. O custo para se inscrever e estar no leaderboard mundial, nacional, ou aquele que você decidir é de 20 dólares. Só entrar no site games.crossfit.com e fazer a sua inscrição.

O Open de agora selecionará aqueles responsáveis por representar suas respectivas nações nos CrossFit Games 2020. Esses são os primeiros colocados no leaderboard nacional do Open da CrossFit. Contudo, está impressionante a queda no número de inscritos esse ano. A apenas 13 dias do eventos contabilizei hoje 61.700 pessoas aproximadamente. Para chegar a essa conta analisei o leaderboard e vi quantos homens/mulheres inscritos, homens/mulheres acima de 55 anos, meninos/meninas adolescentes 14/15 anos. As outras categorias master, como realizam o mesmo workout da elite, está contabilizada já. Esse número é aproximado por que considerei que todas as páginas do leaderboard estão preenchidas com 50 nomes, o que não é necessariamente verdade. Então esse número pode ser ainda menor. Esse foi o mesmo procedimento usado por Tommy Marquez e Sean Woodland do podcast Talking Elite Fitness quando eles fizeram essa estimativa.

Claro, ainda há tempo de se inscrever. Você tem até o dia 14 de Outubro para fazer isso. E as inscrições sempre crescem muito na etapa final antes do Open. Contudo, dificilmente esse número chegará ao recorde de 2018 quando mais de 400 mil pessoas se inscreveram. Vale salientar ainda que o Open financia parte dos CrossFit Games. Em 2018 eles teriam arrecadado mais de 8 milhões de dólares. Supondo que a adesão de última hora seja impressionante e esse número chegue a 200 mil pessoas, será 4 milhões a menos e ainda sim muito menor que anos anteriores. Algo perto do número de 2014. Como isso vai afetar os Games ano que vem? Ou afetar o leaderboard de cada nação? Só o tempo dirá.

Enquanto isso, fazemos a nossa parte. Em particular em anunciar o Open e onde você vai poder acompanhar a transmissão ao vivo. Sabe-se até agora que três eventos farão a transmissão: o Brazil CrossFit Championship, o French Throwdown e o Rogue Inivtational.

Aqui no Brasil a transmissão em cargo do BCC será feita pela TVN Sports. Como manda a tradição, após o anúncio do workout, haverá um enfrentamento entre pelo menos dois atletas que executarão o workout logo após o anúncio. NO caso do BCC, teremps 4: Kaique Cerveny, Gui Domingues, Tata Rebane e Susana Etto. Todos esses atletas já foram entrevistados pelo HugoCross. No caso do FrenchThrowdon quem vai se enfrentar é a campeã do campeonato desse ano, Sabrina Caron, e a campeã nacional Carole Castellani. No Rogue Invitational, a grande surpresa está na escalação de dois super veteranos de CrossFit Games, Rich Froning e Scott Panchik. Os links para visualizar as duas perfomances estará disponível no site da CrossFit no dia 10 de Outuro.

Agora devemos aguardar para ver o que teremos esse ano….

Dicas de como melhorar seu desempenho na Assault Air Bike

Dicas de como melhorar seu desempenho na Assault Air Bike

Entrevista rápida: Ben Bergeron comenta mudanças nos Games

Entrevista rápida: Ben Bergeron comenta mudanças nos Games