CrossFit perde patrocínios após declarações de Greg Glassman

Compartilhe

A declaração polêmica de Greg Glassman está gerando reações efusivas por toda a comunidade. Atletas importantes já se posicionaram, alguns até falando que não irão mais disputar os CrossFit Games 2020, e muitos boxes representativos do esporte anunciaram sua desfiliação. Um baque financeiro ainda maior parece vir do fim de parcerias comerciais.

A Reebok foi a primeira a se posicionar. Seu contrato de 10 anos com a CrossFit finaliza logo após os Games de 2020. Contudo, ela estava em negociações para um novo contrato e encerrou as conversas após a declaração dada.

A Rogue que patrocina os CrossFit Games desde 2010 com os equipamentos postou em sua página que os comentários são inaceitáveis sobre qualquer condição e que acredita que a comunidade é mais forte que uma pessoa. Por isso, a partir de agora, ela decidiu que:

1.0 Rogue Invitational removerá o logotipo CrossFit do evento 2020. Permitiremos apenas discussões sobre os eventos sancionados com discussões reais sobre o futuro
2.0 O Rogue trabalhará com a liderança dos CrossFit Games para determinar o melhor caminho a seguir. Vamos cumprir a temporada 2020 para os atletas e a comunidade. O futuro depende da direção e liderança dentro da CrossFit HQ. A Rogue é a fornecedora de equipamentos desde 2010 e acreditamos que faz parte do nosso DNA. Esperamos que haja um caminho a seguir.

A ROMWOD, marca relacionada a aplicativo sobre mobilidade, anunciou que suspendeu as negociações para patrocinar os CrossFit Games 2020. Que já tinha sérios problemas com o silêncio da CrossFit e que agora esse silêncio teve uma voz, que era a de Greg Glasman. Como patrocinadores desde 2016, a ROMWOD diz que não pode mais apoiar financeiramente ou moralmente uma organização que não concorda com o que ela acha correto.

A FitAid, responsável por bebidas pós treino para recuperação também decidiu não mais patrocinar os CrossFit Games 2020. Em seu depoimento ele fala que a marca foi feita para juntar pessoas, não afastá-las.

Por fim, apesar de não ser patrocinadora, a NoBull também se posicionou se afastando da marca CrossFit. Em um post duro, eles remetem que o silêncio e a insensibilidade são deploráveis.

Publicaremos em breve a lista dos atletas que soltaram alguma nota de repúdio e boxes que estão se desfiliando da CrossFit.