Os movimentos mais comuns no CrossFit Open

Compartilhe

Todo ano postamos uma tabela de movimentos do CrossFit que o responsável pelos Games, Dave Castro, costuma colocar. Todo ano somos surpreendidos com movimentos novos e nunca antes usados no Open. Ele gosta sempre de testar como lidamos com o desconhecido. E com o Open começando essa semana com restrição de equipamentos (sem remo, sem argolas e etc), podemos esperar um Open um pouco diferente.

Além disso, com 10% das pessoas passando para a proxima fase de quarta-de-final ou age group online qualifier, é capaz de vir um Open ainda mais inclusivo do que os anos anteriores, deixando para forçar mais na próxima etapa. Além disso, teremos a estreia da categoria de fundamentos, atletas adaptados e sem equipamentos pela pandemia. Muitas novidades! É esperar para ver.

Mas, por mais que você não esteja inscrito, a época do Open costumava ser sempre uma época divertida, de união do box, onde todos torcem sempre para que o outro faça seu melhor. Mesmo que seu nível de competitividade faça você desejar que ele vá um pouco pior que você apenas. Com as restrições fechando os boxes na maior parte do país, será que esse ano teremos a mesma “vibe”? Não sabemos. Mas mesmo com box fechado, você pode apostar que, invariavelmente, inscrito ou não, você irá fazer o workout do Open, já que teremos a versão sem equipamentos.

Quatro movimentos caíram no Open desde seu surgimento: muscle ups (bar ou rings), toes to bar, thrusters, e DU. Ano passado foi a primeira vez que não tivemos chest-to-bar pull ups. Outros movimentos uma vez que estrearam no Open, estiveram todos os anos, como remo e HSPU. Esse último bem polêmico pois foi mudada a marcação várias vezes, já veio até no strict, e ano passado retomou a marcação mais polêmica que já tivemos. Remo esse ano estará fora por causa da pandemia. E, claro, não podemos esquecer dos queridos Dumbbells em todas as formas possíveis de movimentos que devem estar presentes esse ano mais uma vez.

Vamos então aos movimentos e o número de vezes que apareceram:

Toes To Bar – 10
Double Unders – 10
Thrusters – 10
Muscle Ups (bar or ring) – 10
Burpees (any kind) – 9
Chest To Bar Pull Ups – 9
Snatch (Full / Power) – 9
Wall Balls – 9
Deadlifts – 8
Calorie Row – 7
Cleans (Power/Full- sem Jerk) – 6
Box Jumps – 6
HSPU (kipping/strict)– 6
Overhead Squats – 4
Clean and Jerk – 4
Handstand walk – 3
Push Press/S2OH – 2
DB Snatch – 2
Overhead Lunge (Bar/DB) – 2
Single-leg squats (pistol) – 1
DB Clean – 1
DB Hang Clean e Jerk – 1
DB Squat – 1
DB Lunge – 1
DB box step-up – 1
DB thruster – 1
Push ups – 1


O que será que Dave Castro aprontará esse ano tendo tanta coisa valendo? Que movimentos que vocês gostariam de ver esse ano?

Enable Notifications    OK No thanks