Dois atletas são pegos no exame anti doping e seus times podem ficar de fora dos NOBULL CrossFit Games 2022

Compartilhe

Dois atletas de dois times diferentes, que foram testados após suas respectivas semifinais, testaram positivo para GW1516, ou Endurobol, ou Cardarine. Os atletas e times são, de acordo com a CrossFit:

  • Hunter Williams, do Team CrossFit CLT, forneceu uma amostra que continha sulfóxido GW1516, um metabólito do GW1516,2o lugar no Syndicate Crown em 22 de maio de 2022.
  • Jaylond Franklin, do CrossFit Shoofly Storm Squadron, forneceu uma amostra que continha GW1516 sulfóxido e GW1516 sulfona, metabólitos de GW1516, 2o lugar no Mid-Atlantic CrossFit Challenge em 29 de maio de 2022.

O resultado ainda não foi finalizado. Quando um atleta é testado, ele fornece duas amostras. Se a amostra A resulta em um resultado positivo para alguma substância proibida, ele pode solicitar a contraprova na amostra B. Isso que está sendo feito agora. Quando indagamos à CrossFit sobre quando os resultados seriam públicos, ela notificou que apenas após o resultado da amostra B. Contudo, como os atletas já vieram à público, creio a que a empresa decidiu oficializar o resultado atual.

Kevin Steinhaus, uum dos membros do time da CrossFit CLT, postou em seu Instagram falando sobre o teste e que acredita que Hunter Williams caiu devido a uma contaminação cruzada com um suplemento. Jaylond Franklin comentou em uma entrevista que era o primeiro ano dele competindo de verdade e que ficou testando diversos suplementos, inclusive de amigos, sem ter cuidado necessário com o que estava tomando. Vale salientar que quando o atleta consegue provar contaminação cruzada, o atleta recebe uma punição menor de dois anos, como o caso de Lari Cunha. Contudo a CF é extremamente rigorosa e independente de tudo sempre responsabiliza os atletas pelo que eles tomam.

A cardarine é um SARMS (Selective Androgen Receptor Modulators) e muito conhecido entre os atletas de CrossFit. O mais famoso caso seria de Ricky Garard que perdeu o terceiro lugar e o pódio de 2017 e levou 4 anos de punição. Ele agora estará de volta aos Games esse ano depois de tanto tempo fora.

ENDUROBOL – GW 501516

Endurobol (GW 501516 ou Cardarine) é um produto químico desenvolvido na década de 1990 para prevenir e curar a formação de tumores no cólon, próstata e seios. Estudos realizados no início dos anos 2000 descobriram que o GW 501516 e outros agonistas do PPAR também foram capazes de parar distúrbios metabólicos, como obesidade e diabetes, através de expressões gênicas específicas. Também foi percebido que o endurobol tem a capacidade de queimar o tecido adiposo em excesso, melhorar a recuperação e aumentar drasticamente a resistência.

A pesquisa foi abandonada em 2007 porque os testes em animais mostraram que a droga fez com que o câncer se desenvolvesse rapidamente em vários órgãos. A WADA desenvolveu um teste para o GW501516 e outros produtos químicos relacionados e os adicionou à lista proibida em 2009; emitiu avisos adicionais aos atletas de que o GW501516 não é seguro.

Subscribe for notification