Classificados para os 2022 NOBULL CrossFit Games pelo Atlas Games e Strength in Depth

Compartilhe

Claro que estávamos de olho aqui no Copa Sur, com um recorde histórico de 4 brasileiros classificados (2 mulheres e 2 homens) no individual e mais um time para os CrossFit Games. Mas ao mesmo tempo estava ocorrendo no Canadá o Atlas Games e, na Inglaterra, o Strength in Depth. Vamos aos destaques e decepções do fim de semana e depois aos classificados para os Games.

Destaques

  • CrossFit Oslo Navy Blue @teamcrossfitoslo: mais um time ganhou todos os eventos. TODOS. A Oslo se une ao time principal da Mayheem e ao da Reykjavik como os grandes favoritos esse ano a lutar pelo lugar mais alto do pódio nos Games.
  • Emma Lawson @emma.lawson_5: mais uma atleta teen despontando na elite antes mesmo de fazer 18 anos. Emma foi campeã dos teens na categoria 16-17 anos e agora vencendo já o Atlas Games. Ano passado ela já tinha disputado o Atlas e ficado em 9o aos 16 anos. Esse ano ela vai se tornar a 3a adolescente a competir diretamente na elite.
  • Nicolas Joyal @nyck.joy: ele faz o que muitos não recomendam. Presta atenção em onde estão os outros para saber como atacar as provas. E funcionou. Ganhou as duas primeiras provas na competição e conseguiu se manter no top 5 e garantir a vaga.
  • Jeffrey Adler @adlerjeff: numa semifinal cheia de nomes fortes, o canadense que era famoso por ir melhor em competições online do que ao vivo mostrou a que veio de vez. Levou o Atlas Games deixando para trás ninguém menos que Patrick Vellner.
  • Willy Georges @iamwillgeorges: Depois de uma estrei incrível em 2018, o francês ficou de fora dos Games seguintes por causa de lesões, mas voltou com tudo, ganhou a semifinal e mostrou que vai para disputar o pódio.

Decepções

  • Katrin Davidsdottir @katrintanja: o CrossFit evoluiu a ponto de que as falhas não são mais perdoadas. Katrin sempre teve problema em Ring MU e legless. Por mais que ela tenha melhorado, nas duas provas que isso foi exigido ela ficou tão para trás que acabou a tirando a vaga e agora ela vai ter que disputar o Last Chance Qualifier. Se em 2014 ela não finalizou a prova de legless, esse ano ela finalizou. Mas seu tempo está longe do que seria aceitável para uma atleta que já ganhou os Games 2 vezes.
  • Jonne Koski @jonnekoski: Muitos, inclusive eu, apostavam nele como o vencedor do Strength in Depth, mas dois 9os, um 11o e um 13o é muito complicado para um atleta hoje em dia se classificar num campeonato tão disputado.

Vamos então aos classificados para os 2022 NOBULL CrossFit Games

Strength in Depth

Mulheres

Homens

Times

Atlas Games

Mulheres

Homens

Times

Subscribe for notification